Workshop sobre estilo.

12 05 2010

Oi gente, amanhã dia 13 de maio, quinta-feira estarei ministrando um workshop sobre estilo na Loja Fesani, em Campinas.

Fesani é uma loja de sapatos e bolsas muito bacana, com peças muito bonitas e de ótima qualidade com aquele preço honesto que já mencionei aqui no Blog. Tem todas as novidades e tendências da estação com uma boa grade de tamanhos. Ou seja, une bom preço, tendências e qualidade, até parece mentira,né? Por isso é um paraiso,um local onde  dá pra comprar sem se sentir culpada, e isso em si já é uma coisa maravilhosa,não é verdade? É um horror quando bate a culpa, a compra perde todo o glamour!

Bom, por ser uma loja de sapatos este será o foco do nosso encontro, mas, falaremos de outas coisas também como a roupa ideal para valorizar seu tipo de corpo e a roupa mais adequada para determinadas ocassiões. Isso e muitas outras coisas, pode imaginar um bando de mulher conversando sobre moda…a coisa vai longe!! E é com certeza uma delícia.

E para tornar nosso encontro ainda mais gostoso a Fernanda, dona da loja, que é um amor de criatura, vai nos oferecer um chá da tarde, com esse friozinho ainda…não vejo a hora!

Serviço:

Loja Fesani,

Rua Antonio Lapa, 606-  Cambuí – Campinas

Fone: 19  32523728

Dia 13 de maio – quinta-feira

Horário: 16h00 

Post: Cristina Morais

Anúncios




FAKES ARE NEVER IN FASHION

9 04 2010

  

 Gosto muito, mas muito mesmo de acessórios. Acho que eles fazem toda a diferença na composição de um look !Gosto especialmente de colares, anéis, canetas e bolsas. Ahh!! As bolsas, eu adoro bolsas, sou louca por elas. Realmente acredito que elas dão o tom da elegância, elas falam muito sobre quem as usa. Tenho várias delas, de várias cores e formatos, a maioria são grandes, mas tenho algumas menores tipo coquetel e algumas carteiras para as ocasiões onde as bolsas grandes não são bem-vindas. 

Bolsa Birkin bag da Hermés

Birkin bag da Hermés, meu must have pessoal....

Tenho loucura para ter uma Birkin bag, ainda terei uma! Tive uma Louis Vuitton, uma mochila preta linda de um couro maravilhoso, comprei em Paris, há muitos anos atrás…coisas do meu passado… Tive uma Fendi bem bacana, mas, dei para alguém! E ainda mantenho minha Nina Ricci de festa. Não sei se hoje compraria novamente uma #louisvuitton…Com certeza compraria uma #Chanel, ou uma #Dior,e como já falei uma #Hermés, e definitivamente uma #Prada ou uma #MiuMiu que têm feito bolsas maravilhosas, modernas e de classe. 

bolsa amrela da Maria Bonita

Bolsa amarela da Maria Bonita,linda!

 Bom, mas enquanto não tenho uma dessas vou me encantando com as bolsas nacionais, acho que no Brasil temos bolsas lindas, adoro, por exemplo, as da Maria Bonita, da Alcaçuz, da Glorinha Paranaguá, acho que no momento  estas são as minhas favoritas! 

Curto o ritual de trocar de bolsa, tirar tudo de dentro, jogar o lixo fora, arrumar tudo de volta, e quando a bolsa é nova, melhor ainda. 

Fico imaginando a maravilhava de ter uma peça que foi feita à mão, que a mesma pessoa fez a bolsa inteira, cuidou de todo o processo. 

bolsa da hermes

Birkin bag na versão vermelha...

A escolha do couro que não deve ter nenhum defeito, a costura perfeita, o forro monogramado , a ferragem da melhor qualidade, tudo escolhido cuidadosamente. Todo o processo feito pela mesma pessoa que começa e termina a peça, meio que como um filho. Assim é feita a Birkin bag. Imagine você, que é necessário mais que um dia inteiro para ela ficar pronta. Uma bolsa a cada dia e meio!Quatro bolsas por semana! Uma bolsa para toda uma vida, sim, é verdade, essas bolsas podem passar de mãe para filha, viram peças vintages, contam uma história, guardam segredos. 

Realmente eu adoro bolsas! Bolsas bonitas, classudas, de categoria e principalmente bolsas originais, legitimas! Acima de tudo eu gosto do legítimo, do original! O prazer de ter uma dessas peças é único, tão único quanto elas! 

esposa da caneta Mont Blanc

Mont Blanc, canetas para sempre...

Além das bolsas também adoro canetas e se não posso comprar uma #MontBlanc especial, uma #Parker comemorativa ou uma #Cartier de madeira de lei, fico com as originais da bic e da Stabilo e as adoro!! São minhas companheiras de jornada, estão comigo nas entrevistas que faço, nos documentos que assino, nos cheques que preencho e nos textos que começo a escrever em mesas de restaurantes…Tudo abertamente, sem precisar esconder nada!Uma vez em Portugal, comprei uma Bic de corpo dourado, uma edição comemorativa, foi uma alegria!!! 

Então eu me pergunto o que se passa na cabeça de alguém que compra uma falsificação?? Nunca consegui entender! 

 Veja bem, nem estou falando aqui sobre o crime, sobre a ilegalidade, sobre o que significa compactuar com a pirataria. Acho impossível que quem compre uma falsificação não saiba o que esteja fazendo. Claro que sabe, sabe do crime organizado, do tráfico de drogas, das cargas roubadas, da mão de obra infantil, da lavagem de dinheiro. Sabe muito bem que esta fazendo parte deste cenário, que faz parte da quadrilha! Então nem falo desta questão moral ou legal! Ela me parece tão óbvia e tão evidente. Que é crime fabricar, vender e comprar falsificação todo mundo sabe. 

Então fica a pergunta: Por quê? Qual é a graça, qual é o barato da coisa? 

Bolsa de couro da Prada

Prada, bolsas modernas para sempre...

 Com certeza não é por amor ao belo, por respeito ao trabalho alheio, por honrar a tradição, ou por preferir qualidade. Não acho que tenha a ver com o desejo de ter aquela peça, pois ela é falsa, ela não é ela e você e todos sabem disso! Não se iluda! 

 É alguma outra motivação, um sentimento estranho que não consigo captar, não sou capaz de entender, talvez alguma coisa malandra, infantil e mentirosa. Uma coisa feia com certeza! É como viver uma relação de mentira, ter uma vida falsa, e se contentar com isso. Talvez tenha a ver com auto-estima, ou com baixa auto-estima, talvez essa pessoa ache que ela merece o falso, que é isso que sobrou pra ela! Talvez ela se ache uma falsificação! 

Ela poderia ter uma bolsa legítima, o mercado oferece uma gama enorme de bolsas bonitas, funcionais e de qualidade para todos os bolsos. Pode não ser uma bolsa para o resto da vida, ela pode não durar 10 anos, mas é uma original, uma peça genuína, uma peça que não precisa esconder a origem, que pode se mostrar sem medo e isso já faz dela uma peça especial e de você uma mulher de valores. Ou seja, esta bolsa agrega qualidades à sua dona! 

Bom, como eu sou original e genuína, tenho valores fortes e definidos, e gosto de prazeres reais e de emoções verdadeiras, assim são as coisas que me cercam, são todas originais, são todas filhas de origem conhecida, algumas mais simples que as outras, mas todas legítimas. No meu armário não tem filho bastardo! São todos filhos de pai e mãe, assumidos e registrados… 

 É por isso que este Blog apóia integralmente a campanha da revista Harper`s Bazaar- FAKES ARE NEVER IN FASHION. Vamos dar um fim à pirataria e à falsificação. Não compre nada sem saber a origem, cuidado com carga roubada. Seja original! Seja genuína! O Planeta agradece! 

Para saber mais desta campanha clique aqui! O atelie de novidades apoia esta idéia! 

campanha fake are never in fashion 

Post: Cristina Morais





Sem Erro

20 01 2010

Para estar na moda sem erro e cheia de charme neste verão, use e abuse das carteiras!

carteira de cetim preto

Carteita preta, must have!

Elas podem ser em couro, palha ou tecido. O importante é combinar com você, com seu estilo e com o programa que vai rolar… Mas, sem preocupações, pois uma das vantagens das carteiras é que elas dão o tom da roupa, elas podem transformar o básico do jeans e camiseta branca, que particularmente adoro, em um visual mais chique, mais passeio.

bolsa de verão

Esta carteira Dalila Mendonça, combina com qualquer look!

Da mesma maneira podem “desencaretar” um vestido meio sem graça, dando bossa e alegria ao visual. Experimente!! Coloque um vestidinho, pode ser aquele que você anda meio cansada, que quase mandou embora na última arrumação do armário, incremente com uma sandália bacana, ou melhor  ainda, com um tênis tipo #All Star, pode ser o próprio, jogue um lenço leve no pescoço e com doce ousadia use uma #carteira grande de palha. Pronto! Voltou a gostar do vestido e ganhou um novo visual! Agora, aproveite o look e vá conhecer aquele novo restaurante! Have Fun!

bolsa de bolinhas

Carteita de cetim com poás brancos, sempre atual

 Eu,particularmente adoro usar carteiras e as uso tanto de dia, quanto de noite, tanto no chique como no esporte. Relaxe e abuse delas, além de aliviar o peso dos ombros, você vai descobrir mil maneiras charmosas de segurá-las, mas, atenção, suas mãos vão ficar em evidência, então capriche na manicure! E curta seu verão!

Cristina Morais





tok

11 11 2009

Ontem assisti o primeiro episódio da nova série da #Universal#The Good Wilfepelo direito de recomeçar-, ADOREI, ganhei uma heroina , Alicia, uma mulher inspiradora.

 Após o episódio conversava com minha filha sobre a necessidade de seguir em frente, seja lá o que for que tenha acontecido, seja qual for a dor ou a perda, devemos seguir em frente…seguir sempre em frente!!!!

Bom, minha nova amiga, deu algumas dicas ou toques neste primeiro episódio e vou acrescentar mais alguns, afinal sou uma sobrevivente, sofri uma grande perda ou pior uma gigantesca decepção.

Logo após o acontecido parece impossível seguir em frente, a única coisa que nos parece possível é ficar na cama coberta até a cabeça, em alguns momentos saimos do casulo para “matar” um pote de sorvete ou um chocolate.

Lá vão os TOKS :

Saia da cama, todos os dias, mesmo nos primeiros, tome um banho e dê uma volta no jardim, olhe pela janela, veja o sol.

Se arrume diariamente, lave bem os cabelos e nunca deixe a raiz branca aparecer, nunca, jamais, preste atenção neste detalhe, ele faz toda a diferença. Faça uma maquiagem bem feita, a dica é que ela seja suave, mas, vale uma valorizada nos olhos, faça isso por você e se olhe no espelho e veja sua graça, sua beleza única.

Vá a academia. Eu sei, eu sei ,que tem dias que até pra colocar a roupa de ginástica doi, você  puxa a calça de lycra e ela parece que não desliza, ela desistiu dessa coisa de malhar, bom, ou seja forte o suficiente para enfrentar esta danada desta calça ou pegue aquela gostosa calça folgada de algodão, perfeita para as aulas de ioga e vá, o importante é ir!!!!! Se não conseguir malhar nos primeiros dias, tudo bem, converse com as pessoas, tome um suco, dê risada. O importante é sair de casa e criar o hábito de ir malhar.

Converse com as pessoas, mas, preste atenção, conversar não é desabafar. Não saia contando seus problemas para todas as pessoas que você encontrar, não fique o tempo todo falando do ocorrido, de como você se sente e que seu mundo desmoronou. Até por que seu mundo se abalou e não desmoronou!

Preste atenção, conversar sobre o assunto pode ajudar muito,mas, faça isso na intimidade, não na fila da padaria e tente com todas as suas forças falar sobre outras coisas, isso ajuda muito a você e a seus amigos que com certeza em alguns momentos prefeririam dividir um Doritos a continuar a ouvir a ladainha interminável. Eu sei,por que, tiveram momentos que nem eu me aguentava, é melhor dividir o Doritos ou mudar de assunto.

Chame uma amiga para tomar um café e use uma roupa que você gosta muito, uma roupa que te faça se sentir poderosa, vencedora. Você sabe exatamente de qual roupa estou falando, todas nós temos pelo menos uma roupa dessas no armário. Nós mulheres conhecemos o poder transformador que um look certo tem.  Lembra da Gata Borralheira e da Cinderela? A diferença é que hoje nós somos nossas próprias fadas madrinhas e o poder transformador está am nossas mãos.

Outra coisa que pode ajudar muito é comprar uma bolsa nova, mas, uma bolsa poderosa, que deixe você com ar de vencedora. Uma bela bolsa tem o mesmo efeito que uma joia. Acredite!

Passar uma tarde na sua livraria favorita e comprar alguns bons livro também pode ajudar, principalmente se você  for  como eu e adorar se acomodar em uma deliciosa poltrona e ler até os olhos cansarem…é uma delícia e o tempo passa de forma possitiva, construtiva.

Rezar sempre ajuda, eu rezo muito. Peça por serenidade e paciência e tente ficar calma, no mínimo isso vai evitar que você faça alguma bobagem ou pior, pague algum grande mico.

Se a dor vai passar? Não sei, mas, com certeza você vai primeiro se acostumar a ela e depois arrumar um lugar  onde ela incomode pouco, e um dia, ela vai se parecer mais com uma crise de gases que com o fim do mundo!

Não se esqueça que todos temos o direito de recomeçar, mas aqueles que sofreram a dor tem muito mais direito do que aqueles que a causaram. Acredite, isso não é apenas a minha opinião, isso é sagrado!