Marginália no SESC Campinas

6 04 2010
SESC Campinas cultura

A cultura marginal das décadas de 60 e 70 no SESC Campinas

Anúncios




Solte os remos…

24 02 2010

 

O post sobre a Mansuetude recebeu muito comentários, todos deliciosos e cheios de esperança. Agradeço a todos por esses comentários, eles me motivaram ainda mais a continuar escrevendo sobre sentimentos, pessoas… amores!

Reproduzo aqui uma citação que veio junto com um desses comentários:

“Às vezes, quando o vento da renovação começa a uivar,não temos certeza de que as transformações serão para melhor.

A Providência Celestial tem um plano só para nós e as ventanias nos conduzirão aonde precisamos ir. Devemos retirar os remos da água e confiar na embarcação divina.”

#Hammed

Como espírita, acredito em cada palavra desta citação, mas sei como é difícil soltar os remos e ir aonde devemos ir. Dá um medo danado!!!

Veja bem, esta citação não nos incita a deixar a vida acontecer sem nossa participação, muito pelo contrário, ela nos incita apenas a aceitar o inevitável, a deixar acontecer o que precisa acontecer, e desta maneira, ser o autor corajoso de nossa história e principalmente a aceitar o novo, mesmo que este novo venha com a força e o medo que as tempestades nos provocam.

Aprendi com a dor da perda, que devemos aceitar os acontecimentos, mesmo ou principalmente quando nos foi imposto pelo outro ou pelas circunstancias da vida.

É exatamente neste momento que o maior crescimento pessoal pode acontecer e enfim, está acontecendo comigo. Demorei muito a soltar os remos, ainda procuro por eles muitas vezes, tento frear o inevitável, parar os acontecimentos, evitar a dor.

Essa coisa da dor tem muito a ver com o fato de ser mãe, ver o sofrimento dos filhos é pior que sentir o próprio e isso algumas vezes me desespera, mas sei que eles também precisam soltar os remos. Mas é isso, sou mãe, acima de tudo nesta vida eu sou mãe, também demorei muito para assumir isso, assim publicamente, como se esta escolha fosse alguma vergonha. É que me foi dito, sem palavras, por alguém muito importante para mim, que este foi meu grande erro, quase acreditei… Quase me envergonhei desta escolha!

Sou mulher, sou jornalista, sou blogueira, sou designer, sou produtora e em breve serei professora novamente. Ah!Sou estudante, começo minha pós em moda no mês que vem. Mas acima de tudo, sou mãe e foi sendo mãe que aprendi a soltar os remos e foi soltando os remos que virei blogueira,designer,e tive coragem de voltar a escrever e a estudar…Sim,o novo pode trazer coisas maravilhosas, pode vir com muita dor,mas também nos dá muita coragem. O novo pode até trazer o velho remodelado, reconstruir o destruído e desnudar o escondido, acho que foi assim que voltei a ser jornalista, desnudando o medo de escrever, de ser julgada.

 Tem uma música dos #Paralamas do Sucesso, escrita por #Herbert Viana, que diz, Para que a dor possa sempre mostrar algo de bom. Hoje eu sei que a dor tem esta obrigação, a de trazer algo de bom. E esse bom, normalmente é a maturidade e a mansuetude….

um amor, um lugar – Herbert Viana  (link para youtube)

Desde pequenos meus filhos me escutam dizendo “Para Deus, não importa o que acontece com você, importa, o que você faz com o que acontece com você.” E é isso que vai fazer você ser digno de concretizar seus sonhos, realizar seus desejos e anseios mais íntimos. Não tenha medo de sonhar e desejar, tudo pode acontecer!

Portanto, solte os remos, deixe o vento te levar aonde precisa ir, deixe o novo mostrar sua cara, deixe a dor cumprir sua obrigação e confie. Tudo vai acabar bem… Isso é bem coisa de mãe,né? Mas, confie na palavra desta sobrevivente que precisou perder os remos para soltá-los, ficou a deriva e hoje segue digna enfrentando o novo, amando o velho, curtindo o hoje e cheia de esperança no amanhã!

Cynthia,minha amiga, este é pra você.E é também para meus filhos -a maior novidade da minha vida!

Post: Cristina Morais





Música no Armazém

19 02 2010

Anote na agenda:

A dica deste final de semana é dar uma passada no #Armazém Sta Mãe, um lugar rústico, bacana, com um ambiente agradável, boa comida, cerveja gelada e cheio de gente bonita.

E para ficar ainda melhor tem música ao vivo; anote:  

Agenda Final de Semana do Armazém Sta Mãe:

 _ Sexta-feira, dia 19 de fevereiro, das 19h00 às 22h00 tem #Tony França com seu MPB da melhor qualidade.

 _ Sábado, dia 20 de fevereiro, das 19h00 às 22h00 tem #Bruna Volpi e #Marcelo Silveira

 Armazém Sta Mãe

Rua Humaitá, 144 – Sousas

Fone: 32584193

Dica do Blog: bolinho de mandioca recheado com queijo. Divino!!!

Obs. do blog: O local é fácil de estacionar, mas, se você pretende se acabar na cerveja gelada de 600 ml, por favor, vá de taxi!

 Couvert artístico; R$ 3,00, simbólico, né gente?!

A dica está dada, você só perde essa se for ruim da cabeça ou doente do pé!

Post: Cristina Morais





Carnaval no Armazém!

12 02 2010

Chegou o carnaval!!! Vários dias de feriado; viajar, ficar em casa, descansar, ver os amigos, as possibilidades são muitas…O Armazém Sta Mãe em Sousas nos dá uma ótima dica:

 O Armazém Sta. Mãe APRESENTA:

 Tonny França em Marchinhas de Carnaval

Sábado dia 13 de Fevereiro às 17 Horas. Sábado de Carnaval!

 Aproveite para conhecer nosso Novo Cardapio:

 Cerveja 600ML, Picanha no Rechaud e muito mais!!

Pode ter uma coisa mais gostosa que uma cerveja gelada, uma picanha bem feita  ao som de marchinhas de carnaval??? É bom demais e ainda é em Sousas, aquele lugar mágico e bucólico

Armazém Santa Mãe:

Rua Humaitá, 144 – Sousas

Fone: 32584193

Post: Cristina Morais

 

 

Um Grande Abraço à todos.





Da Terra

21 01 2010

 

Programa bacana para os moradores de Campinas e Região!!!! Em especial para os que gostam de boa música e gente bonita!!

MPB ao vivo

Sábado, dia 23 de janeiro, a partir das 17hs tem Happy Hour com música ao vivo no Armazém Sta. Mãe em Sousas.

O Lugar é ótimo desses que alimentam a alma e o corpo. Vale a pena dar uma conferida!

Cristina Morais